Pular Links de NavegaçãoPágina inicial | Mídia | Fique de olho |

Fique de olho
Publicado em 19/4/2013 13:18:47

VIII CNP

O processo democrático de construção das diretrizes para a Psicologia brasileira

Desde novembro de 2012, todo o Sistema Conselhos está mobilizado com o processo de construção das diretrizes para os próximos três anos da Psicologia brasileira, que culmina no VIII Congresso Nacional de Psicologia. Esta construção tem se dado em diversas etapas: os Eventos Preparatórios, os Pré-Congressos e, no final deste mês de abril, os Congressos Regionais de Psicologia (COREP).

O CRP SP também se insere nesse processo, valorizando ao máximo o processo democrático de construção coletiva das diretrizes que afetarão o exercício profissional dos (as) mais de 75 mil psicólogos(as) do estado e dos (as) mais de 210 mil de todo o país.

No estado de São Paulo, foram organizados 92 Eventos Preparatórios e 19 Pré-Congressos, contando com a presença de 2.225 profissionais, o que ilustra o caráter participativo.

O envolvimento dos(as) psicólogos(as) a partir da próxima etapa, o COREP, será por representação através de delegados (as), cuja quantidade de uma região está relacionada à base de profissionais naquele território, o que esteve ligado, principalmente, a efetiva presença da categoria nos Pré Congressos. Nessa edição do COREP, a participação da categoria no interior do estado foi marcante e maior do que na região metropolitana do estado.

Os(as) psicólogos(as) compareceram nos Pré Congressos e nossa delegação no COREP será de 178 delegados (as)! A presença da categoria do interior foi fundamental para que esse número fosse atingido.

As nove subsedes e a região metropolitana articularam-se com entidades e coletivos da Psicologia, propiciando que a elaboração de propostas ocorressem também em espaços onde os(as) psicólogos(as) se reúnem e compartilham seus saberes e fazeres da profissão. Foram as chamadas Atividades Livres.

Foi interessante perceber como os novos cenários onde se realiza a profissão e os novos processos de trabalho do(a) psicólogo(a) no mundo contemporâneo, foram destaque nos Eventos Preparatórios de Bauru. A abrangência e diversidade dos temas e áreas da Psicologia presentes nas propostas elaboradas indicam uma participação qualificada nos Pré Congressos.

Em Sorocaba, realizaram-se 10 eventos preparatórios que foram importantes para a aproximação de novos(as) profissionais e contribuiu para aprimorar o diálogo em torno das novas perspectivas da profissão.

Já na região do Vale do Paraíba, a participação nos Eventos Preparatórios de profissionais que atuam em Psicologia do Trânsito e Psicologia Organizacional e do Trabalho possibilitou a elaboração de propostas nestas áreas que enriquecerão e articularão a discussão junto à categoria e a sociedade.

"Houve um maior envolvimento, interesse e participação dos (as) psicólogos (as) de São José do Rio Preto e região com o processo do VIII CNP, por meio dos eventos preparatórios e no próprio Pré-Congresso", afirmou Luiz Tadeu Pessutto, Conselheiro da subsede de São José do Rio Preto.

Porém, a consolidação da participação ampla dos(as) psicólogos(as) na construção conjunta e dialogada da Psicologia como profissão é sempre um desafio e exige esforços: "Ponderamos que o processo democrático de construção da profissão é algo ainda pouco explorado pela categoria e que devemos empreender esforços no sentido de garantir isto para os próximos CNPs", afirmou Rosana Ragazzoni Mangini, Conselheira do CRP SP em Sorocaba.

Serão realizados Congressos Regionais por todo o país, inclusive nos Conselhos Regionais recém instituídos: Piauí, Maranhão e Tocantins Totalizaremos 23 COREPs! Trata-se da última etapa antes da discussão nacional que será realizada no VIII CNP.

Em São Paulo, os (as) 178 delegados (as), organizados (as) em grupos de trabalho, irão apreciar e votar as propostas nacionais em cada um dos três eixos que serão encaminhadas ao CNP. Serão estas as propostas que irão constituir as diretrizes para a gestão do Sistema Conselhos no próximo triênio.

Uma novidade em relação às sete edições anteriores do CNP é a produção de diretrizes regionais, além das nacionais. Isso significa que cada COREP apreciará também um conjunto de propostas de âmbito regional, produzindo, assim, um Caderno Regional de Deliberações, com as linhas para a próxima gestão de cada um dos 23 CRPs.

Essa forma de organização significa um avanço na consolidação do processo participativo, pois permite que as peculiaridades dos vários contextos e cenários com características regionais de atuação da Psicologia no país estejam contempladas nas propostas regionais. Trata-se de um significativo avanço político, posto que as definições das prioridades regionais se dará a partir do amplo debate com a categoria e não apenas dos(as) conselheiros(as). O CNP constrói uma relação mais instrínseca entre a categoria e seus/suas representantes eleitos (as) que, ao assumirem as gestões para os próximos três anos, comprometem-se a seguir as deliberações coletivas, implicando-se cada vez mais com discussões, ações e reflexões coletivas.

O CNP é uma conquista de cada um (uma) dos psicólogos (as) deste país! Acompanhe este processo através das propostas produzidas em cada etapa que estão publicadas no site do CRP SP.