Pular Links de NavegaçãoPágina inicial | Comunicação | Jornal PSI |


número 154 - novembro / dezembro 2007

Editorial

Conversando com o psicólogo
Conselho Regional de São Paulo inaugura primeira Estação da Biblioteca Virtual em Saúde - PSI

Formação
VI Encontro Nacional da ABEP abordou a docência na Psicologia

Políticas públicas
Plano Nacional e os programas municipais transformam a realidade de crianças e adolescentes que vivem em abrigos

Ciência e Profissão
Psicólogos podem integrar equipes em processos de identificação de torturas

Orientação
Todos os estabelecimentos de saúde precisam ter cadastro no CNES

Um mundo melhor é possível
Justiça restaurativa aposta no diálogo para a solução de conflitos

Seção Aberta / Nuestra América Latina
Projeto do compromisso social da Psicologia latino-americana é selado no II Congresso da ULAPSI

Interior
Bauru comemora os 20 anos de luta por uma sociedade sem manicômios

Questões Éticas
Grupo de trabalho do psicólogo judiciário pretende orientar profissionais

Opinião
A primeira licença compulsória de medicamento para HIV/AIDS no Brasil

Estante

Mural

Expediente

 

Verve

"Embora já estivesse garantida no Estatuto da Criança e do Adolescente, a convivência familiar e comunitária tem sido um dos direitos mais violados por nossa sociedade,"
Mariza Tardelli

"A justiça restaurativa vai além do ponto de vista factual. A idéia é colocar a vítima, e não o ofensor, no centro da questão, procurando compreender que conseqüências o ato infracional representara para ela"
Mônica Rosa Melo

"Queremos uma Psicologia que seja construída a partir da contribuição de todos os países da América Latina e que diga respeito à realidade de nossos países, atendendo às necessidades e urgências que temos"
Ana Bock

"Por conta desse movimento de 20 anos atrás, numa cidade pequena do interior paulista, milhares de pessoas hoje estão livres dos manicômios"
Marcus Vinícius de Oliveira.