Pular Links de NavegaçãoPágina inicial | Comunicação | Cadernos temáticos |


cadernos temáticos do CRP/SP

Este é um tema bastante complexo e contraditório. Na verdade, existe um problema grave no Brasil e, particularmente, em São Paulo, que é a dificuldade de as crianças aprenderem.

Então, procura-se qual a razão disso: por que as crianças não aprendem? Uma das respostas aponta para a Dislexia, que é algo que já vem há muitos anos sendo discutido.

Por que o parlamento está promovendo esse evento? Porque a Dislexia passou a ser tema de vários projetos de lei apresentados aqui no legislativo. E estamos fazendo isso junto com o Sindicato dos Psicólogos, com o Conselho Regional de Psicologia e com o Grupo Interinstitucional Queixa Escolar e o apoio de outras entidades e as Secretarias de Educação e Saúde.

Na Câmara Municipal de São Paulo estão tramitando, pelo menos, quatro projetos de lei sobre essa temática. Esses projetos de lei falam sobre a necessidade de se realizar testes de dislexia em todas as crianças do ensino público municipal. Há os prós e contras, existem pessoas que são a favor e pessoas que são contra.

Este debate surgiu justamente para responder algumas perguntas. Vale a pena submeter as crianças, na própria escola, a testes para ?descobrir? se elas não aprendem porque são disléxicas? O que é dislexia de fato? Será que, como alardeiam, realmente 20% sofrem desse distúrbio que impede a aprendizagem da leitura e, em suas supostas variações, dificulta a aprendizagem de matérias como matemática? Não seria uma forma de fugir do problema da péssima qualidade de nosso ensino e empurrar a culpa para o aluno? Se apontada como portadora desse suposto distúrbio a criança não ficaria estigmatizada pelo resto da vida?

Como presidente da Comissão de Educação aqui da Câmara Municipal de São Paulo é minha obrigação tratar desse assunto com toda atenção e cuidado. Vamos então ao debate desse assunto. Está presente ao meu lado o vereador Juscelino Gadelha, autor de um dos citados projetos, que, certamente, ajudará muito nas nossas reflexões sobre esse assunto.

Eliseu Gabriel
Vereador no Município de São Paulo e presidente da Comissão de Educação, Esportes e Cultura

voltar ao sumário
Aumentar textoDiminuir texto